Sopro da vida

Tempo mais que oportuno Cruzou nosso caminho Estação suave do outono Aconchego do meu ninho Sangue que corre nas veias Sincronismo do coração Calor que nos incendeia Motivo da nossa razão Sentimento que aflora Tomando conta...

Sereno da noite

Parecia ser liberdade Gotículas em minha cabeça Uma fantasia maquiada por verdade Mais tarde veio em sentença Rodamoinho do vento Girando em volta do umbigo Vida persevera no aceno Alma em constante declínio Corpos e...

Sinceridade

Sinônimo de franqueza Veracidade do coração O amor é uma riqueza Sentimento puro da compreensão Atos desnecessários Que podemos evitar Cuidar do nosso relicário Cessar de machucar Colocar-se no lugar do outro Faz a alma amadurecer Soberba...

A matéria e o espírito

Duas existências Habitando no mesmo lugar Desejando a consciência Para poder se manifestar Seres diferentes Opostos, antagônicos Morto, frio, vivo, quente Entre eles não há sinônimos Ações distintas Vida e energia Respire fundo e sinta Mergulhe na poesia Reflita-se...

Saudade

Sentimento que brota E aperta o coração Momentos que não voltam Remédio da compreensão Tempos de criança Ficaram para trás Restaram-se as lembranças Pureza que nos compraz Pessoas que se foram Sem ao menos despedir Paisagens não retornam Não se...

Deserto

Sol escaldante nas manhãs Noites frias de arrepiar Vereda que leva ao amanhã Interno a metamorfosear Língua grudada ao céu da boca Secura de amargar Ventre feito cisterna rota Miragem de fazer delirar Necessário ter estrutura mental Para atravessar...

Joias

Pendentes, adornos Finamente trabalhados Colar de sabedoria ao pescoço Olhares encantados Compreensão, entendimento Sentimento do amor Joias raras guardadas no peito Tesouro de grande valor Palavras sinceras Verdadeiras, valiosas Consciência singela Pedra eleita e preciosa Abrigo em minha alma Uma riqueza sem...

Brincando com a solidão

As crianças muito nos ensinam Libertas, sem preocupação Olhares puros que brilham Brincam até com a solidão Serenidade Sorriso singelo Liberdade Afago sincero Cada momento tão único Sem o tempo cronometrar Realidade do lúdico Coração a palpitar Crescimento não pára Fruto despontando Alma...

O amor cura

Ah! O amor Sentimento puro da compreensão Sinta no imo seu calor Deixe transbordar sua emoção Impossível expressa-lo Retrata-lo em simples versos Alma deve borda-lo Adornando-se com suas vestes Ele brota das entranhas Fazendo o ventre renascer Renova perdidas esperanças Imprescindível...

Vida também é poesia

Em meio tantas adversidades Minha alma se elevou Fui passear nas asas da liberdade Conhecer um pouco do amor Precisava descansar Sair da rotina sofrida Ouvir os pássaros cantar Compreender o sentido da vida A viagem não foi...
- Publicidade -