Existem lugares encantadores
Deslumbrantes pela natureza
Paisagens com lindas flores
Fauna e flora, quanta beleza!

Mas vejo olhares perdidos
Buscando paz no externo
Não encontra-se no íntimo
Tormentos do lado interno

É preciso tornar-se casa
Lugar gostoso e arejado
Na sabedoria criar asas
Como borboletas em campo vasto

Dormir sossegado no leito
Como animaizinhos na grama
Deixar o sol aquecer o peito
Acendendo a alma com sua chama

Os olhos devem ser bons
Para o corpo todo reluzir
Mostrar amor nas ações
Não deixar-se sucumbir

Sentir-se feliz de verdade
Brotando do imo este sentimento
Calçar as sandálias da humildade
Enfrentar de pé os contratempos

Façamos de nós mesmos ambiente agradável
Consciências desejáveis
Que exala vida em seu jeito afável
Alma simples, apreciável

Sejamos jardim florido
Pétalas de bem-me-quer
Fechando assim nosso ciclo
Paz à todos que quiser

Por Michele Mi 
Tema sugerido por: Paulo Tavares – Peruíbe/SP

Participe você também dos poemas! Faça sua sugestão enviando um tema. Ele será veiculado aqui e no site www.razaodavida.com acesse!

Comentários Facebook

Deixe uma resposta