É preciso em si mesmo acender
A luz radiante da sabedoria
E será natural resplandecer
Por todos os dias da nossa vida

É no profundo da consciência
Que encontramos o lume
Exalando toda sua essência
És a luz no fim do túnel

Não tenha medo de desbravar
E trilhar o caminho inverso
O próprio espelho espelhar
Para conhecer seu universo

Devemos conscientizar
A verdade dantes encoberta
A semente da vida plantar
E sempre regar nossa terra

O broto florescerá
Com seu encanto e sua beleza
A alma se aquecerá
E passará a ter destreza

Luz por onde passa
É o que soará nos corações
Brilho que reverbera da alma
Dissipando toda escuridão

Iluminador das veredas
Lâmpada suave nos pés
Toma-me por completa
Muda a estação revés

É notória a sublime presença
Da alma que emana luz
Aconchego de consciência
A vida por ela reluz

Por Michele Mi 

Participe você também dos poemas! Faça sua sugestão enviando um tema. Ele será veiculado aqui e no site www.razaodavida.com acesse!

Comentários Facebook

Deixe uma resposta