Alma desprendida
Voa alto nos pensamentos
Nas asas da sabedoria
Chega ao prazer do entendimento

Sente a brisa leve
Tocando sua face
Sentimentos que enobrecem
Preenchem com seu enlace

Sobriedade companheira
Faz esquivar-se dos absurdos
Sobe e desce ladeiras
Mas nada a deixa confusa

Base firmada na rocha
Não se deixa abalar
Sem medo se lança e mergulha
No profundo de seu mar

Luz infinda ilumina
Cada ponto a desvendar
Objetivo que culmina
Os limites do próprio lar

Olhar fito na eternidade
Pés sempre a caminhar
Inspira o ar da esperança
Expira a verdade no falar

Cantando a liberdade
Atravessa sua vereda
Desviando da maldade
E a candeia sempre acesa

Coração viajante
Planta a paz por onde passa
Desenha o sorriso no semblante
Pelo ar da sua graça

Por Michele Mi 
Tema: Márcia Rocher – Apucarana/PR

Participe você também dos poemas! Faça sua sugestão enviando um tema. Ele será veiculado aqui e no site www.razaodavida.com acesse!

Comentários Facebook

Deixe uma resposta