Emicida fez uma live, neste domingo (10), e não poupou criticas ao presidente Jair Bolsonaro. A apresentação online durou oito horas e passou por diversos trabalhos da carreira do rapper, que aproveitou o momento também para disparar sua opinião contra o governante, chamando-o de “inútil” e “assassino”.

A crítica aconteceu antes do músico dar início à faixa “BANG! (Part: Adriana Drê)”, relembrando uma manifestação nos EUA e fazendo uma comparação com o Brasil.

“Na época que o Donald Trump ganhou a eleição, uma velhinha saiu andando com uma camiseta nos EUA, que estava escrito: ‘Eleja um palhaço e espere um circo’. E quando a gente pega isso e traz para a realidade do Brasil, a gente vê as atitudes desse inútil que tá ocupando o Palácio do Planalto, e pensa: ‘Eleja um assassino, espere um genocídio’. Essa é a nossa realidade. Aquele mesmo comédia, aquele mesmo verme, que comparou quilombola a animal, naquela ocasião triste, há alguns anos atrás, tá sentado na cadeira de presidente, certo?”, disse o rapper.

“O que tem de mais nojento no nosso país está representado por esse pensamento. É o pensamento de gente que olha para nós e fala, ‘p***, neguin agora tá isso, neguin agora tá aqui, neguin agora tá cheio de marra. Mano, daqui pra frente, só vai piorar pra vocês, porque nós não vamos voltar não, não tem retrocesso”, acrescentou.

 

Fonte: Vagalume

Comentários Facebook

Deixe uma resposta