Além do protocolo militar, a formatura comemorativa foi marcado com o ato em que é depositada uma corbélia de flores no Monumento ao Expedicionário, em homenagem aos heróis da 2ª Guerra Mundial
Além do protocolo militar, a formatura comemorativa foi marcado com o ato em que é depositada uma corbélia de flores no Monumento ao Expedicionário, em homenagem aos heróis da 2ª Guerra Mundial

O 30º Batalhão de Infantaria Mecanizado (30º BIMec), de Apucarana realizou hoje (21) a Formatura Comemorativa ao 75º Aniversário da Tomada do Monte Castelo pelas tropas do Exército Brasileiro. “Esta é uma homenagem a bravura dos soldados brasileiros na 2ª Guerra Mundial, em especial aqueles que lutaram para tomada do Monte Castelo. Iniciado em novembro de 1944 e com término em 21 de fevereiro de 1945, foi um evento que marca a presença, a ação e a coragem dos pracinhas da força expedicionária brasileira, lutando ao lado dos aliados e combatendo o nazifascismo”, afirmou o subcomandante do 30º BIMec, tenente coronel Clayton Veríssimo Caetano.

O prefeito Junior da Femac, que prestigiou o evento, definiu o 30º BIMec como uma riqueza para a cidade de Apucarana. “Entre as riquezas que esse batalhão nos traz é poder celebrar esse momento de batalha do Brasil pela liberdade. A Tomada do Monte Castelo colocou o Brasil como uma grande nação capaz de ter um exército que empreende esse tipo de vitória”, destacou Junior da Femac.

Além do protocolo militar, a formatura comemorativa foi marcado com o ato  em que é depositada uma corbélia de flores no Monumento ao Expedicionário, em homenagem aos heróis da 2ª Guerra Mundial.

O evento também foi prestigiado pelo representante do 10º Batalhão da Polícia Militar, major Marcos José Fácio; pelo representante do 11º Grupamento dos Bombeiros, major Leandro José Calegari; pelo procurador do estado, Daniel Cerizza; e pelos colaboradores eméritos do Exército Oezir Marcelo Kantor, Reinaldo de Paula Martins e Ideval dos Santos Filho.

A Batalha de Monte Castelo foi travada ao final da 2ª Guerra Mundial, entre as tropas aliadas e as forças do Exército Alemão, que tentavam conter o seu avanço no Norte da Itália. O conflito se arrastou por três meses, de 24 de novembro de 1944 a 21 de fevereiro de 1945, e teve participação decisiva da Força Expedicionária Brasileira.

Fonte: Prefeitura de Apucarana

Comentários Facebook

Deixe uma resposta